'Independente' socorre Rosalba e manda recado para oposição

João Gentil: afago ao Palácio da Resistência
Foto: Edilberto Barros
Se a oposição tinha esperança de contar com a assinatura do vereador ‘independente’ João Gentil (Rede) para instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI), pode perdê-la.
Na sessão ordinária desta terça-feira, o parlamentar fez um claro afago ao Palácio da Resistência, sede da Prefeitura de Mossoró.
Ele endossou os votos da bancada governista e votou contra o requerimento, encabeçado pelo vereador oposicionista Genilson Alves (Pros), que forçaria a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) a prestar esclarecimentos sobre contratos milionários, feitos em ano eleitoral.
Até então, a minoritária oposição de seis vereadores ainda sonhava com o voto de Gentil para instalar uma CEI que investigaria os gastos da Prefeitura com o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.
Sonhava.
Gentil mandou um recado claro, que foi logo compreendido pelos ouvidos dos oposicionistas.
O recado também chegou rápido ao Palácio da Resistência.
E agradou. 
Em tempo: Para instalar uma CEI, são necessárias sete assinaturas. A oposição só tem seis. Tinha esperança no endosso de Gentil, que não deve chegar.
Siga-nos no Instagram.
contatosaulovale@gmail.com
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.