'Sala Lilás' começa a funcionar - Foto: reprodução

Hospital da Mulher passa a oferecer atendimento para vítimas de violência

Propiciar um espaço acolhedor, de orientação, com atendimento humanizado e especializado a vítimas de violência.

Com essa proposta, foi inaugurada nesta quarta-feira, 29, a Sala Lilás Profª. Roberta Cláudia Bezerra Soares, no Hospital da Mulher Parteira Maria Correia, administrado pela Secretaria de Saúde Pública (Sesap) e com gestão acadêmica da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern).

A Sala Lilás é um espaço exclusivo e diferenciado, que oferece atendimento prioritário, com assistência médica, psicológica e social, a mulheres de todas as idades em situação de violência.

Os atendimentos também se estendem para a população LGBTQIA+ e meninos e adolescentes de até 18 anos.

Além do atendimento especializado, o espaço contará com a realização de ações educativas, de prevenção e de capacitação para a população em geral e para os profissionais de saúde e assistência social, visando conscientizar sobre a importância da denúncia e do enfrentamento à violência contra uma mulher.

Homenagem

A escolha do nome para a Sala Lilás é em memória da professora da Uern Roberta Cláudia, que foi assassinada pelo ex-marido Joab Antônio da Silva, na madrugada de 24 de outubro de 2003. Após ser espancada, então grávida de 5 meses, ela foi atirada do terceiro andar do apartamento onde o casal morava.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Feed Them Social: TikTok Feed not loaded, please add your Access Token from the Gear Icon Tab.