Bolsonaro suspende eleições para reitor e Ufersa é afetada

Uma Medida Provisória do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira, suspendeu as consultas acadêmicas e formação de lista tríplice em todo o país para escolha de dirigentes das instituições federais.
A medida se por dá por conta da pandemia do novo coronavírus.
A MP afirma que, em caso de término de mandatos de reitores durante a pandemia, será designado, pela presidência da República, um reitor pró-tempore (temporário).
A medida derruba eleições em 17 universidades federais. 
Ufersa
As eleições para reitor da Universidade Federal Rural do Seminário (Ufersa) são diretamente afetadas.
Estão marcadas para a próxima segunda-feira (15).
No caso da Ufersa, o atual reitor Arimatea Matos termina o seu segundo mandato em setembro.
Ou seja, se o período de emergência em saúde pública em decorrência da pandemia ainda estiver em vigor até lá, Bolsonaro nomeará um reitor pró-tempore.
Judicialização
Caso alguém ou a própria Ufersa queria insistir nas eleições, deverá judicializar o caso. 
Veja o texto da MP abaixo:

contatosaulovale@gmail.com
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.