Ação contra Lidiane não prospera na Justiça Eleitoral - Foto: arquivo

TRE rejeita pedido de cassação da prefeita de Tibau

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN) manteve a decisão da 49ª Zona Eleitoral e julgou improcedente a Ação de Investigação Eleitoral (AIJE), por abuso de poder político e econômico, contra a prefeita de Tibau Lidiane Marques (PSDB).

A ação foi encabeçada pela chapa derrotada em 2020 à Prefeitura de Tibau, José Haroldo de Souza e Terezinha Larissa.

A AIJE pedia também a cassação dos direitos políticos da prefeita Lidiane, do ex-prefeito Naldinho (PSDB) e do atual vice-prefeito de Tibau Luiz Francisco de Souza.

No recurso apresentado, a coligação Tibau da Gente, de Haroldo e Larissa, alegou que houve violação do contrário e à ampla defesa quando da sentença em primeiro grau.

Relator

No entanto, conforme o voto do relator, juiz federal José Carlos Dantas Teixeira de Souza, “em que pese o esforço argumentativo envidado pelos recorrentes, a preliminar de nulidade da sentença por eles suscitada não merece amparo”.

Ainda consta no voto do relator que “na situação em apreço, o conjunto probatório existente nesta demanda investigava não evidencia, de forma segura e inconteste, a suposta prática de captação ilícita de sufrágio, abuso de poder econômico e abuso de poder político”.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Rate Limited Exceeded. Please go to the Feed Them Social Plugin then the Twitter Options page for Feed Them Social and follow the instructions under the header Twitter API Token.No Tweets available. Login as Admin to see more details.