politica 728x90

STJ libera suspeita de chefiar esquema de “fantasmas”

Decisão é da ministra Laurita Vaz

Foto: Gustavo Lima/Conjur

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu à noite de ontem (27) um habeas corpus a ex-chefe de gabinete da Presidência da Assembleia Legislativa do RN, Ana Augusta Simas Aranha Teixeira de Carvalho. A decisão é da ministra Laurita Vaz.

A informação foi dada em primeira mão pela Tribuna do Norte.

Para a ministra, não há fato novo que justifique a prisão preventiva.

Ana Augusta é acusada de chefiar um esquema de contratação de servidores fantasmas na Assembleia Legislativa do RN, segundo apurou o Ministério Público do RN, na Operação Canastra Real. Ela voltou a ser presa na terça-feira passada (21). Em setembro de 2018, passou nove dias presa.

Leia mais: Justiça decreta prisão de ex-chefe de gabinete da AL

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

[feed_them_social cpt_id=37056]