Categoria, em assembleia, aprova greve - Foto: reprodução

Servidores da Ufersa em Mossoró aprovam greve

Reunidos em assembleia nesta terça-feira (05), servidores técnico-administrativos da Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa) aprovaram, por unanimidade, a deflagração da greve para a próxima segunda-feira (11).

A categoria reivindica recomposição salarial e reestruturação da carreira.

Outros campi

A coordenação do Sintest, o sindicato da categoria, ainda vai ouvir os servidores dos campi de Angicos, Pau dos Ferros e Caraúbas.

“Acreditamos que devem seguir a mesma orientação que Mossoró e aprovaremos a greve do serviço público para o dia 11 de março. A gente lembra que a greve é para incomodar mesmo. É para sentirem a necessidade da prestação dos serviços dos servidores técnico-administrativos. Precisamos pressionar o governo para conseguirmos a reestruturação da carreira. O nosso trabalho é essencial”, destacou Kaliane Morais, coordenadora geral do Sintest/Ufersa.

A direção nacional da Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra), seguindo deliberação da plenária, em reunião realizada no dia 18 de janeiro, definiu o indicativo de greve para o dia 11 de março em todo o país.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

WhatsApp Image 2024-03-18 at 6.26.43 PM
728x90
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Feed Them Social: TikTok Feed not loaded, please add your Access Token from the Gear Icon Tab.