Relator vota pela cassação de Sandro Pimentel

TRE começa a julgar caso Sandro Pimentel

Foto: João Gilberto

Do portal De Fato

O Tribunal Regional Eleitoral do RN (TRE-RN) começou a julgar nesta terça-feira (16) o processo de cassação de mandato do deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL). Ele é acusado da prática de captação e gasto ilegal de recursos na campanha eleitoral de 2018.

Segundo o Ministério Público Eleitoral (MPE), houve descumprimento no prazo de entrega dos relatórios financeiros e também problema com relação a uma doação de R$ 35,3 mil.

A lei eleitoral determina que valores acima de R$ 1.064,10 devem ser doados por meio de transferência.

O relator do processo, juiz federal Francisco Glauber Pessoa Alves, votou pela cassação do mandato de Pimentel. Em seguida, o desembargador Glauber Rêgo pediu vista.

O julgamento parou com o placar de 1 a 0 adverso ao deputado Sandro Pimentel.

Se a Justiça Eleitoral decidiu pela cassação, a vaga será ocupada pelo primeiro suplente de deputado estadual professor Robério Paulino (PSOL).

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.