Descargas elétricas provocam interrupção de energia - Foto: reprodução

Queda de raios no RN aumenta 41% e passa dos 76 mil em três meses

Com chuvas acima da média registradas em vários pontos do Rio Grande do Norte ao longo deste ano, a incidência de raios aumentou. Eles podem acontecer pouco antes da chuva começar ou no final da tempestade. Dados compilados pela Neoenergia Cosern com base na plataforma ClimaTempo mostram aumento de 41% na ocorrência desse fenômeno natural entre os dias 1º de janeiro e 31 de março deste ano em relação ao mesmo período de 2022. Em números absolutos, foram 76.271 raios contra 54.169.

Os meses de março – nos dois anos – seguem registrando recordes de descargas atmosféricas com 25.949 e 36.797 ocorrências, respectivamente. De janeiro para março deste ano, a plataforma ClimaTempo contabilizou uma elevação considerável no número de raios que descem em direção ao solo: 362,5%. Ou seja, de 7.956 para 36.797 em números absolutos.

“Monitoramos, de maneira ininterrupta, a questão climática em todas as regiões do Rio Grande do Norte. Nossas equipes são treinadas para atuar no menor intervalo de tempo possível quando há interrupção no fornecimento de energia provocado pela queda de um raio, priorizando sempre a segurança da equipe e da população, ressalta Osvaldo Tavares, superintendente Técnico da Neoenergia Cosern.

Os raios que já caíram no estado este ano causaram mais de 1.400 interrupções no fornecimento de energia elétrica e danificaram aproximadamente 400 equipamentos do sistema, incluindo postes, transformadores, isoladores e cabos. Além de provocar perturbações no sistema elétrico da distribuidora, a queda de tantos raios pode comprometer as instalações elétricas das residências.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

WhatsApp Image 2024-03-18 at 6.26.43 PM
728x90
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Feed Them Social: TikTok Feed not loaded, please add your Access Token from the Gear Icon Tab.