politica 728x90

PSDB pode chegar a “liberar” deputados descontentes

Aliança com PSD ainda não é unanimidade entre tucanos

Foto: Montagem

A dois dias do anúncio oficial das definições para o pleito de outubro, o PSDB potiguar ainda não tem unanimidade quando se fala em disputa ao Governo do Estado.

Por lá, a maioria defende o apoio ao projeto de reeleição do governador Robinson Faria (PSD), por acreditar que uma chapa proporcional com o PSD favorece à reeleição dos deputados. Afinal, o tucanato terá oito deputados estaduais e um federal candidatos à reeleição. Tem a eleição proporcional como prioridade e a salvação dos mandatos de quem já estar por lá.

Mas ainda há quem defenda o apoio à eleição do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT). Ou, no mínimo, um avanço nas conversas com o pedetista, antes da declaração de apoio a Robinson.

O que fazer? O partido já fechou o apoio à reeleição de Robinson Faria, que será anunciado na próxima sexta-feira (29), às 9h, na sede do partido, em Natal. A minoria tucana descontente com a aliança com o PSD pode ser liberada para o palanque de Carlos Eduardo Alves.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

[feed_them_social cpt_id=37056]