Categoria vota em assembleia - Foto reprodução

Professores estaduais encerram greve

Com 272 votos pelo fim da greve, 180 pela continuidade e 10 abstenções, a assembleia da rede estadual de ensino aprovou nesta quarta-feira o fim do movimento paredista iniciado no último dia 3 de março.

O encontro foi realizado na manhã desta quarta-feira, 12, no Clube Albatroz, no Bairro Petrópolis, em Natal.

Sem avanços nas negociações, trabalhadoras e trabalhadores em educação tiveram que aceitar a proposta apresentada pelo Governo durante a última audiência de negociação realizada no dia 28 de março, com a presença da governadora Fátima Bezerra (PT).

“O governo Fátima falhou no diálogo com a categoria, e sua representante, a secretária, está incomodada com a autonomia do movimento grevista”, disse o Boletim do Sinte distribuído na assembleia.

Veja como fica o pagamento do reajuste do piso do magistério

• Implementação do reajuste de 14,95% no mês de abril para os/as professores/as que estão abaixo da tabela salarial do Piso, com efeito retroativo a janeiro.

• Para os demais (professores/as da ativa, aposentados e pensionistas com paridade), implementar o reajuste em três parcelas, sendo: 7,21% em maio; 3,61% em novembro e 3,49% em dezembro.

• Quanto ao retroativo, a quitação do passivo ocorrerá em 8 meses, de maio a dezembro de 2024.

Siga-nos no Instagram

contatosaulovale@gmail.com

728x90
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Feed Them Social: TikTok Feed not loaded, please add your Access Token from the Gear Icon Tab.