politica 728x90

Presidente do TJ defende fortalecimento da Uern

Relegada pelo ex-comandante do judiciário potiguar, Cláudio Santos, que provocou polêmica a defender um projeto de privatização da instituição, a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) parece ter ganho um defensor à frente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. De passagem por Mossoró, o desembargador Expedito Ferreira de Souza, atual presidente do TJ/RN, defendeu o fortalecimento da universidade e destacou a importância dela para o desenvolvimento do Estado. “Eu falo como mossoroense que sou, adotado. A UERN é uma conquista do povo mossoroense. Jamais poderá fechar ou jamais um mossoroense pode ser contrário a universidade, que tem trazido bons frutos ao estado do Rio Grande do Norte. Nós temos parcerias muito salutares. Assinamos uma carta de intenção com a UERN, para promovermos um mestrado profissionalizante com vagas também para magistrados do Rio Grande do Norte”, explicou.

Já o seu antecessor, desembargador Cláudio Santos, chegou a declarar que uma das soluções para a crise financeira do estado do RN seria a privatização da UERN. “Quer resolver o problema de saúde do Rio Grande do Norte ou pelo menos minimizar? Por que não privatiza a universidade estadual? Economiza R$ 20 milhões por mês. Dá uma bolsa de estudos para os estudantes pobres daquela universidade no valor de R$ 1,5 mil? De R$ 30 milhões gastos por mês, só gasta 10 com essas bolsas de estudo, já que o estado não tem obrigação de ter universidade”, afirmou à imprensa, em declaração polêmica, o então presidente do TJ-RN, Cláudio Santos, em outubro do ano passado, hoje sondado como pré-candidato ao governo estadual.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

[feed_them_social cpt_id=37056]