Palácio da Resistência, sede da Prefeitura - Foto: arquivo

Prefeitura se pronuncia sobre operação que envolve três guardas municipais

A Prefeitura Municipal de Mossoró emitiu nota oficial nesta terça-feira sobre a Operação Fogo Amigo, deflagrada nesta manhã pela Polícia Civil do RN.

Mais cedo, os delegados Dênis Carvalho e Rafael Arraes revelaram em coletiva de imprensa que pelo menos três guardas civis municipais estariam envolvidos no atentando contra o veículo do comandante da Guarda Civil Municipal (GCM), Thiago Fernandes, ocorrido no dia 11 de outubro passado.

Os três foram afastados da função.

Confira a nota na íntegra.

Diante da deflagração da Operação “Fogo Amigo”, pela Polícia Civil de Mossoró, nesta terça-feira (07), tendo como alvo Guardas Civis Municipais suspeitos de participar de ataque ao Comandante da Guarda Civil Municipal, Thiago Fernandes, a Prefeitura Municipal de Mossoró destaca que dará cumprimento às medidas determinadas pela justiça sobre os referidos servidores. A Prefeitura acompanha as investigações e o desenrolar dos fatos à espera do pleno esclarecimento do triste fato ocorrido no dia 11 de outubro deste ano, e que os culpados sejam punidos na forma da lei.

 

Mossoró-RN, 07 de novembro de 2023 Prefeitura Municipal de Mossoró

Leia mais: Pelo menos três GCMs podem estar envolvidos em atentado a comandante 

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Feed Them Social: TikTok Feed not loaded, please add your Access Token from the Gear Icon Tab.