Senador se recusa a assinar pedido para criação de CPI - Foto: crédito não identificado

No RN, somente Styvenson não assinou CPI do MEC

O senador Styvenson Valentim (Podemos) foi o único dos três senadores potiguares que não assinou o pedido para criação da CPI que visa apurar atos de corrupção e tráfico de influência dentro do Ministério da Educação (MEC).

Já Zenaide Maia (Pros) e Jean-Paul Prates (PT) fazem parte do grupo de 31 senadores que assinaram a favor.

O documento para abertura de instalação da CPI do MEC foi protocolado hoje no Senado.

Denúncias

A Comissão Parlamentar de Inquérito quer investigar denúncias contra o ex-ministro Milton Ribeiro e os pastores da Igreja Assembleia de Deus Arilton Moura e Gilmar Santos.

Um áudio obtido em março pela Folha de São Paulo revelou que o MEC, na gestão Milton Ribeiro, priorizava a liberação de recursos para prefeituras indicadas por esses pastores, que não têm cargos no Ministério, mas atuavam como lobistas.

Há suspeitas de desvios de dinheiro público.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.