politica 728x90
Ida de Marinho para presidência divide legenda - Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Mudança em comando do PL deve causar sequelas no partido

A mudança no comando do Partido Liberal no RN, com a iminente saída do deputado federal João Maia e a chegada do senador Rogério Marinho, deve causar turbulências na legenda.

O processo tende a ser ser marcado por sequelas, algumas irrerversíveis.

Por lá, a ala mais de centro, ligada a Maia, não gostou nada de saber dessa mudança e aposta até em debandadas, o que ninguém pode duvidar. Calcula que, para o partido, é melhor seguir com nomes mais ‘leves’ ao eleitorado centrista.

Já a ala mais de extrema-direita, aquela bolsonarista mesmo, solta fogos com a possível chegada de Marinho à direção e sonha em uma maior ‘bolsonarização’ da legenda no estado. Prevê que o partido saia fortalecido e esteja mais alinhado a essa identidade, inclusive para as eleições municipais de 2024 em que a sigla quer fazer uma penca de prefeitos no Brasil.

O PL saiu grande no RN nas eleições gerais de 2022. Além de Rogério senador, fez quatro dos oito deputados federais, e três estaduais.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

Banner_Sicoob_Saulo_728x90
728x90 (3)
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Banner_Sicoob_Saulo_400x400
[feed_them_social cpt_id=37056]