Ministro em Mossoró: quase despercebido

Ministro tem agenda tímida em Mossoró e foge de pergunta de repórter

O ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, cumpriu agenda em Mossoró nesta quarta-feira.

Se não fosse as presenças dos prefeitos Allyson Bezerra (Solidariedade), de Mossoró, e Divanize Oliveira (PSD), de Baraúna, a agenda do representante do governo federal teria passado despercebida na segunda maior cidade do RN.

Não houve comunicação para a imprensa sobre a agenda do ministro.

Quase todas as emissoras foram pegas de ‘supetão’.

Nenhum deputado federal esteve presente. Nem vereador. Não houve convite.

No geral, o ministro anunciou, numa fala rápida de dois minutos para a imprensa, 130 mil mudas para o Parque Nacional de Furna Feia.

E só.

Não soube dizer quanto seria o investimento federal no Parque.

Quando questionado pela repórter Isaiana Santos, da InterTV, filiada da Rede Globo, sobre o leilão de exploração do petróleo em uma zona de proteção ambiental próxima ao arquipélago Fernando de Noronha (PE), o ministro deu as costas e saiu.

A repórter, como uma boa jornalista, ainda insistiu na pergunta.

À toa.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.