Instância máxima contraria reitora e determina retirada de homenagem a ditador

Reitoria vai ter que retirar homenagem colocada por ela
Foto: Blog do Barreto
O Conselho Universitário (Consuni) da Ufersa determinou nesta terça-feira que a reitora Ludimilla Oliveira retire, em caráter imediato, um quadro de Costa e Silva da sala da Reitoria.
A decisão foi aprovada no Conselho por ampla maioria. Apenas um conselheiro foi contrário e três se abstiveram. 
O Consuni lembrou que uma decisão do próprio conselho, aprovada em 24/07/2018, já proíbe qualquer homenagem aos militares que governaram o Brasil durante o Golpe de 64.
Entenda
O quadro de Costa e Silva retornou ao local de homenagens de figuras públicas na gestão de Ludimilla Oliveira.

O General Costa e Silva governou o Brasil durante o Regime Militar, no período de 1967 – 1969. Foi no governo dele que foi instituído o Ato Institucional nº 5 (AI-5), considerado o mais duro golpe do Regime.

Ludimilla foi a terceira colocada na consulta à Lista Tríplice à Reitoria da Ufersa, mas nomeada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em 22 de agosto de 2020.
contatosaulovale@gmail.com
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.