Fátima encontra Jean Paul - Foto: Rafa Pereira

Governo do RN quer parceria com Petrobras para eólica em alto mar

O Governo do Estado entrou em tratativas para um Memorando de Entendimento (MoU) junto à Petrobras para o desenvolvimento do projeto-piloto para instalação de uma usina de geração de energia eólica em alto mar (offshore).

Este será o primeiro projeto-piloto de geração de energia offshore no Brasil. A reunião ocorreu nesta quarta-feira (10) entre o presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, e a governadora Fátima Bezerra, no Rio de Janeiro, onde a governadora participa do Fórum Brasileiro Líderes de Energia 2024. O memorando de Entendimento será assinado em Natal (RN), no início do próximo mês.

“A assinatura desse memorando irá renovar não só minha esperança, mas também a minha confiança na Petrobras, que está de volta retomando esse papel tão importante e estratégico para o desenvolvimento não só do Rio Grande do Norte, mas nacional”, afirma Fátima Bezerra, acompanhada do secretário adjunto do Desenvolvimento Econômico, Hugo Fonseca.

Bacia Potiguar

A governadora comemorou o recente anúncio feito pela Petrobras, nesta última terça-feira (09), da retomada da exploração de petróleo na margem equatorial, começando exatamente pelo Rio Grande do Norte.

O presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, reforça sobre a exploração da nova fase da margem equatorial em águas ultraprofundas, “além de dois mil metros de profundidade, é muito metro para achar petróleo.  E encontramos petróleo, pela segunda vez. A primeira vez menos, agora um pouco mais. Talvez juntando as duas com mais aquela de 2015, a gente consiga fazer de fato um projeto que possa recuperar a indústria do petróleo do Rio Grande do Norte, desta vez no mar, e em grande escala”, diz.  “Além disso, a gente já fala em energia eólica no mar também. A Petrobras ganhou e vai ganhar agora esse ano de novo o prêmio de melhor empresa operadora no mar do mundo, e nada mais natural do que ela entrar também em energia renovável no mar. Além de ter alguns projetos em terra – temos usina solar no Rio Grande do Norte, vamos ter aí também alguns projetos de energia eólica em terra. Então é a presença da Petrobras no Rio Grande do Norte voltando com força total”, finaliza Jean Paul.

O Rio Grande do Norte é líder na produção de energia eólica no Brasil, com 295 parques eólicos em operação. Sua produção corresponde a 32% de toda a geração de energia eólica do país. O RN também é líder em potência em operação, com 9,59 gigawatts. À parte dos parques eólicos que já estão em operação, o estado possui, em fase de desenvolvimento, 14 complexos eólicos offshore na Costa potiguar, num potencial estimado de 25,5 GW de geração de energia.

Além disso, o Estado do Rio Grande do Norte possui uma localização próxima às áreas com potencial eólico offshore.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Feed Them Social: TikTok Feed not loaded, please add your Access Token from the Gear Icon Tab.