Federação faz estimativas para final de ano - Foto: reprodução

Fecomércio prevê até 7 mil novos postos de trabalho temporários no RN

Se aproximando do último trimestre de 2023, os empreendedores voltam suas atenções as vendas de final de ano. Preparação de estoque, estratégias de vendas começam ser pensadas e executadas para vender mais. Para completar esse cenário, é necessário, também, contratar mão de obra extra.

O Instituto Fecomércio Rio Grande do Norte prevê que, entre os meses de outubro a dezembro, sejam geradas até 7 mil novas vagas de emprego no Rio Grande do Norte. Dividindo entre os setores representados pela Federação, o setor de Comércio prevê contratar até 3 mil pessoas e o setor de serviços pode chegar a 4 mil novos trabalhadores.

“Cerca de 60% desses novos postos de trabalho são para o mercado formal, ou seja, com carteira assinada. Uma grande oportunidade para aqueles que estão buscando emprego, conquistem uma vaga e se firmem nas empresas. O restante estará dividido entre empreendedores por conta própria e contratos em regimes especiais, como intermitentes, por exemplo”, afirmou o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz.

Esse estímulo reflete nas vendas do Comércio e Serviços potiguares. O Instituto Fecomércio RN ainda estimou um crescimento de até 9% no setor de Serviços do RN em 2023. Já as vendas do Comércio deverão ter um aumento tímido, fechando 2023 entre 1% e 1,3%.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

Feed Them Social: TikTok Feed not loaded, please add your Access Token from the Gear Icon Tab.