politica 728x90

Crítico ferrenho do governo vira governista

Rondinelli: de crítico mordaz à governista

Foto: Edilberto Barros

Um dos mais críticos parlamentares ao governo Rosalba Ciarlini (Progressista), o vereador de primeiro mandato Rondinelli Carlos (PMN) anunciou a saída da bancada de oposição. Ele agora passa a integrar a base aliada da prefeita.

O parlamentar justificou a reviravolta: “Na bancada da situação, nós iremos apontar as possíveis soluções de forma mais rápida. Estaremos junto ao Poder Executivo, dando esse apoio”.

Ele afirmou ainda que não assumirá a Secretaria Municipal de Agricultura, informação que corria nos bastidores. A pasta está sem titular há oito meses.

O parlamentar destacou que a ida para a bancada de situação não passou pela questão de cessão de cargos na estrutura do Palácio da Resistência, sede do governo municipal.

Em maio de 2018, ainda na bancada de oposição, Rondinelli integrou as sete assinaturas necessárias para instalar uma Comissão Especial de Inquérito, que ficou conhecida como CEI do Lixo, para investigar os contratos entre a gestão Rosalba Ciarlini e a empresa Vale Norte, que presta serviço de limpeza urbana.

Oposição fica menor

Com a saída de Rondinelli Carlos, a oposição passa de sete para seis parlamentares, número insuficiente, por exemplo, para instalar CEI, que necessita de sete assinaturas. Hoje, a Casa possui 21 vereadores.

Até então, a oposição estava intacta desde o início desta legislatura.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

728x90
WhatsApp
Telegram
Twitter
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.

[feed_them_social cpt_id=37056]