“Corte poderá inviabilizar funcionamento do IFRN”, lamenta reitor

Reitor busca manter recursos federais

Foto: web

Reitor do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN),  Wyllys Farkatt Tabosa demonstra imensa preocupação com o corte de 30% anunciado pelo governo federal que afetará todos os IFs.


No caso do RN, o corte representa R$ 27 milhões a menos em recursos de custeio. Foram bloqueados R$ 26.154.174,00 dos R$ 67.380.582,00 aprovados na Lei Orçamentária Anual para o funcionamento do IFRN, o que representa uma perda de quase 39%. Além disso, são R$ 870.000,00 a menos em recursos aprovados para capacitação. Os recursos destinados à assistência estudantil, da ordem de R$ 19.800.000,00, em princípio, foram mantidos.


“O corte é significativo e poderá inviabilizar o funcionamento do IFRN. Nesse sentido, estamos buscando interlocução com diversos agentes públicos a fim de garantir a integralidade do orçamento do Instituto”, destaca.


O reitor afirma ainda que tem buscado, em conjunto com outros dirigentes, apoio para tentar manter o orçamento sem cortes.  


Na próxima semana estaremos participando da Reunião do Conselho de Reitores (CONIF) para debatermos o tema e propor encaminhamentos. No dia 7, o Secretário de Educação Profissional e Tecnológica, Ariosto Culau, participará dessa reunião; no dia 8 haverá uma reunião do CONIF com a Frente Parlamentar dos Institutos Federais, na Câmara dos Deputados. No dia 10 há também uma audiência marcada com o Ministro da Educação, Abraham Weintraub. Além disso, fizemos contato com o coordenador da bancada federal, deputado Rafael Motta, para uma reunião com todos os deputados federais e senadores do RN. Em paralelo, discutiremos com toda a comunidade acadêmica do IFRN sobre a situação da Instituição e os impactos do bloqueio dos recursos orçamentários”, explicou.


Em tempo: Os cortes também atingem UFRN e Ufersa. As três instituições do RN, juntas, terão R$ 73 milhões a menos no orçamento deste ano.

Siga-nos no Instagram.


contatosaulovale@gmail.com

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.