Casos de Chikungunya crescem 1.484% em Mossoró

Os dados são da Secretaria Municipal de Saúde, divulgados nesta terla-feira.

Mossoró já registra este ano 1.030 casos de Chikungunya contra 65 no mesmo período do ano passado. Um aumento de 1.484%.

Já quanto à Dengue, a segunda maior cidade do RN computa este ano 595 casos confirmados contra 324 do mesmo período de 2019.

O município contabiliza ainda dois casos de Zika vírus. No ano anterior, só foi um.

As doenças são transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.

A Vigilância em Saúde ressalta que ao verificar o início de sintomas característicos de arboviroses como Dengue e Chikungunya, como febre alta, dor muscular, dor dos olhos, falta de apetite, dor de cabeça, náuseas e vômitos, é importante procurar uma unidade de saúde para que o caso seja notificado. 

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.