Lawrence e representantes de universidades Foto: Carlos Adams

Câmara e universidades discutem Lei Municipal de Inovação

Mossoró está prestes a ganhar a Lei Municipal de Inovação – marco legal para estimular o setor de tecnologia no município. A proposta foi discutida por comissão de professores da Ufersa, Uern e Faculdade Católica do RN e a Presidência da Câmara de Mossoró, nesta quinta-feira (1º).

Recebidos pelo presidente Lawrence Amorim, os professores David Sena (Ufersa), Jeanberg Alves (Ufersa), Priscila Felipe (Uern) e Washington Sales (Faculdade Católica do RN) apresentaram a ideia central do projeto.

A proposta tem apoio da Prefeitura de Mossoró, via Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, e será enviada em breve pelo Executivo para análise da Câmara Municipal.

Quando aprovada, a Lei Municipal de Inovação incentivará atração de recursos e fortalecerá empresas, startups; estimulará produtos e serviços, no lastro, por exemplo, de aplicativos de transporte e delivery.

Lawrence Amorim assegurou apoio ao projeto. “Mossoró está atrasada nesse quesito a cidades de porte semelhante, como Campina Grande (PB). Com a lei, nosso município fortalecerá o setor de tecnologia e inovação, incentivará a captação de recursos e ampliará as oportunidades de emprego”, avalia.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.