Allyson descarta sua esposa como candidata e lembra Lawrence

Prefeito dá entrevista na 96 FM de Natal

Foto: BCS


Do Blog Carlos Santos

Em entrevista nessa segunda-feira (21) ao programa “Meio dia RN”, da FM 96 de Natal, de forma presencial, o prefeito mossoroense Allyson Bezerra (Solidariedade) descartou completamente a hipótese levantada pela oposição local, de candidatura de sua mulher, pedagoga Chíntia Raquel Pinheiro, a deputado estadual.

“Isso não procede. Minha esposa não é candidata, me ajuda, é voluntária. O que importa para ela é estar servindo”, assinalou Allyson.

“Pela legislação, ela até poderia ser secretária, mas não é”, lembrou. “É mais uma das conversas criadas na cidade”, identificou.

Segundo comentou o prefeito, “era comum esposa, irmão, filho, sobrinho, papagaio ser candidato a deputado estadual ou federal em Mossoró. Uma regra era estar dentro de casa”, lembrou o prefeito, citando costume de muitas décadas da família Rosado.

Lawrence Amorim


Sobre nomes a deputado estadual e federal, ele deixou claro de forma abstrata o perfil de quem terá seu apoio e com o propósito de serem eleitos:– Mossoró vai eleger em 2022 deputados que representem mudanças para a cidade, tanto a estadual como a federal.– Lawrence é um dos nomes? – perguntou um dos entrevistadores do programa comandado por Bruno Giovanni, o “BG”.– É um dos nomes, é um dos nomes – repetiu o prefeito de Mossoró.

No grupo governista municipal, Allyson Bezerra não deixa dúvidas do apoio que dará ao atual presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Lawrence Amorim (Solidariedade), à Câmara Federal. A deputado estadual ainda não é visível uma escolha.

Existe perfil e uma certeza: não será Chíntia Raquel.

Siga-nos no Instagram.

contatosaulovale@gmail.com

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook

Saulo Vale

É formado em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela UERN. Apresentador do Jornal da Tarde, Rádio Rural de Mossoró, e do Enfoque Político, Super TV. É também correspondente de política das rádios da capital e do interior, como 97 FM de Natal, 91 FM de Natal e Rádio Cabugi do Seridó.